top of page

A MINHA HISTÓRIA COM A PREMIÈRE VISION PARIS



O post de hoje é especial e cheio de história pois a PV tem um papel de suma importância não só para a indústria da moda, ela teve um papel determinante em minha carreira e por isso faço questão de divulgar para que outros profissionais tenham as mesmas oportunidades que tive.


Tudo começou em 2003, quando eu ainda era adolescente e decidi que queria cursar Moda. A Universidade onde eu me matriculei enviava um folder com as explicações sobre o curso, disciplinas e, ao final, falava sobre o concurso que faziam com os alunos e onde o vencedor iria a Paris para visitar a feira.


Em 2004, comecei a cursar Moda e, na faculdade os professores sempre enfatizavam a importância da feira para nós como estudantes e futuros profissionais. Tanto é que, em 2006, tive a oportunidade de visitar a feira pela primeira vez, enquanto fazia um intercâmbio em Portugal. Aproveitei e visitei também a edição de 2007.


Nem preciso dizer que foi uma experiência marcante! Foi muito importante para mim naquele momento como estudante ver de perto as últimas tendências da moda, conhecer novos materiais e tecnologias, e fazer contatos com profissionais de todo o mundo.


De volta ao Brasil, continuei a acompanhar a feira e a compartilhar minhas experiências no meu blog, que eu criei em 2005 (e que ensino como fazerem o mesmo no meu curso de Portfólio). Esse blog era uma espécie de portfólio também, e nele eu colocava todos os projetos que fazia, tanto os profissionais quanto os que fazia na universidade.


Então 2008, recebi um e-mail da coordenadora de marketing da feira, falando que ela tinha encontrado meu blog e portfólio na internet e me convidando para expor em um espaço dedicado a jovens criadores.


Eu recém tinha me formado e trabalhava em uma empresa de calçados. Todos os projetos que eu desenvolvia colocava no meu portfólio e a coordenadora ficou encantada com os designs que eu fazia e fez o convite direcionado á área do couro.





Na época, o espaço se chamava Village Createurs. Eu fiquei muito honrada com o convite e, em 2009, na edição de setembro da feira, eu estava lá com meus designs para expor.


Essa foi uma experiência inesquecível! Eu tive a oportunidade de apresentar meu trabalho para um público internacional e, mais importante ainda, de aprender com outros designers e profissionais da moda.


Depois disso, muitas mudanças aconteceram na minha vida profissional. Passei de designer para professora e pesquisadora, mas nunca deixei de acompanhar a Première Vision.


Recentemente, voltei a visitar a feira e, agora, estou trabalhando no meio digital para divulgar a feira para estudantes e profissionais.


Depois de ler essa história você percebe porque insisto tanto para meus alunos e seguidores visitarem né?







תגובות


pos.png
    bottom of page