COOLHUNTER X TREND FORECASTER



Coolhunting e trend forecasting são dois termos que designam atividades profissionais relacionadas ao estudo de tendências, e apesar de representarem técnicas diferentes de pesquisa e análise, os termos costumam causar confusão. Então o intuito deste post é pontuar as diferenças de cada uma dessas áreas!


Começando pelo coolhunter, ele que é basicamente e um caçador de tendências, o caçador do que é legal, em uma tradução literal.


Esse profissional está sempre a procura de padrões de comportamentos que sejam "cool" e inovadores e seu trabalho é observar pessoas que possuem algo de novo, algum comportamento que as façam se distinguir e para isso está sempre à procura de novos comportamentos legais e inovadores em algum sentido.

Mas, tirando seu trabalho de observação de campo, o coolhunter não utiliza técnicas de análise para investigação das tendências que encontram, ele é mais "sensorial", ele trabalha de forma mais livre em busca de sinais.


Por outro lado o profissional que atua como trend forecaster é um pesquisador de tendências, e seu papel vai além de pesquisar, ele questiona o papel e o porquê de cada tendência.


O próprio termo “forecasting” quando traduzido para o português, significa o ato de prever, projetar e prognosticar.

Então o trend forecaster é, na verdade, um pesquisador de tendências. Ele não apenas observa as tendências, mas questiona a fundo como elas surgiram, como poderão evoluir...


Por exemplo, por que existem tantas barbearias de um tempo pra cá?

Então podemos dizer que o seu papel vai muito além do coolhunter, já que ele envolve uma observação profunda das mudanças comportamentais, que as vezes passam desapercebidas pela maioria das pessoas, porém essa observação é feita com base em informações complementares diferentes, que foram reunidas por uma equipe de profissionais multidisciplinar, com vários olhares e fontes.


O papel do pesquisador de tendências é entender porque um movimento está surgindo, qual a causa por trás dele e quais são seus impactos no futuro. Ao enxergar muitas possibilidades de futuro, o pesquisador de tendências é capaz de fortalecer aquelas que apontam para o mundo que desejamos construir e utilizar previsões catastróficas para alertar o mundo acerca de suas escolhas e caminhos.


E esses conceitos podem ser aplicados a diversas industrias que necessitam saber dessas informações para apresentarem seus produtos no tempo certo!